Rede de Observatórios de Segurança

Rede de Observatórios de Segurança
Em 2015, a criação

Bahia: INNPD se dedica à justiça racial e econômica

Iniciativa Negra por uma Nova Política de Drogas inaugura atuação em pesquisa

Leia mais

25 anos de atuação
Fontenele

Ceará: LEV é referência em segurança pública

Laboratório monitora violências e colabora em projetos de políticas para o estado

Leia mais

35 anos em atividade
Eric Gomes

Gajop: participação popular no debate sobre segurança

Organização enfatiza a defesa de direitos de crianças e adolescentes

Leia mais

19 anos de pesquisa
Bruno Itan

CESeC: pesquisa, estudos e projetos em segurança e violência

Depois do Observatório da Intervenção, Centro articulou rede de monitoramento

Leia mais

30 anos de estudos
Daniel Arroyo

NEV-USP acompanha os dados de SP

Organização já registra homicídios através do projeto Monitor da Violência

Leia mais

Cinco organizações, em cinco estados,
conectadas para monitorar e analisar dados sobre
segurança pública e direitos humanos.

Destaques

A morte de Lorena Muniz reflete um processo de desumanização

Por Dália Celeste Lorena Muniz, uma mulher trans de 25 anos, saiu de Recife (PE) com destino a São Paulo para realizar o seu sonho que lhe custou a vida. Ela estava sedada para a realização de uma cirurgia de implante mamário, quando teve o início de um incêndio. Durante a evacuação do prédio, Lorena […]

Leia Mais

Após um ano do motim da PM, homicídios e mortes por intervenção policial aumentam no Ceará

Por Ricardo Moura* Entre 18 de fevereiro e 2 de março de 2020, policiais militares do Ceará promoveram um motim após uma negociação salarial frustrada com o Governo do Estado. A paralisação foi marcada por invasões a batalhões, viaturas retiradas de circulação e homens encapuzados armados nas ruas, gerando uma sensação de insegurança generalizada. Após […]

Leia Mais

As polícias fluminenses escolheram o confronto e a letalidade como método

Por Silvia Ramos* Poucos dias atrás, uma operação da polícia militar em favelas de Quintino, um bairro da Zona Norte carioca, deixou dez pessoas mortas. Um dia antes, um policial matou uma menina de cinco anos, Ana Clara Machado, na porta de casa, em uma favela de Niterói. Os policiais disseram que revidaram injusta agressão […]

Leia Mais

Visibilidade trans é sobre humanização

Por Dália Celeste* Depois que mulheres transexuais e travestis estiveram em Brasília para lançar a campanha “Travesti e Respeito”, do Programa Nacional de DST/Aids, em 29 de janeiro de 2004, a data ficou conhecida como Dia da Visibilidade Trans. O objetivo é estimular reflexões sobre a humanização e cidadania para nós. Mas lembro que , […]

Leia Mais

‘Minha filha foi assassinada por um policial militar enquanto trabalhava’

Por Sandra Sales* Minha filha levou um tiro fatal pelas costas e já caiu morta, sem qualquer direito de defesa. Ingrid Mayara tinha 19 anos, trabalhava, estudava, estava fazendo discipulado para ser obreira da Igreja e foi vítima da chacina do bairro Ellery, em Fortaleza, que completa oito anos hoje. Todo o seu currículo não […]

Leia Mais